segunda-feira, 20 de julho de 2009

Miséria impune




Tudo que eu penso lógico sempre tenho em mente,
as coisas loucas sempre vêm e me convencem.
Miséria impune já não posso me manter,
falar bonito não é preciso para viver,
falar direito certo tenho que aprender.

A cada esquina uma nova indecisão,
a cada rosto escuro vejo a solidão,
escrevi nas pétalas de rosas,
o que não pude tatuar em minhas costas.

Cigarro aceso mente aberta para escrever,
não sei se posso, mas eu tenho que fazer.
Eu corro léguas tentando chegar,
ao que esta a um passo de se conquistar.

Aqui tive a ajuda de um brother meu: sandro jr

21 comentários:

  1. esse poema trouxe tristeza para meu coração....

    ResponderExcluir
  2. Opa Broter, interessante seus versos... só ta faltando um r em 'conquistar" hehehe...

    Abraços
    Dá uma conferida la no Bora Rir...
    Rodolfo Soares
    Blog: www.borarir.net
    --------------------------------------
    Twitter: www.twitter.com/rodolfosoares

    ResponderExcluir
  3. Poema triste..mas interessante...

    http://caopelado.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Que legal! Ideias fazendo sentido de linha em linha, amarrado com rimas bacanas! Parabéns pela postagem! Escreva mais e mais que está indo muito bem! Parabéns!!!!

    Abraços!

    http://neowellblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  5. Acho que antes tinha dado um tilt temporário no servidor do seu blog! =P Então sobre seu post eu adorei seu poema, muito bem construido e eu adorei lê-lo! Bem claro e rimas legais! Parabéns!

    http://neowellblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  6. Gostei tanto do post quanto do blog. A poesia ficou de fato muito legal :)
    'falar bonito não é preciso para viver' adorei esse verso
    Tô seguindo ;*

    ResponderExcluir
  7. Bem interessante e verdadeiro!


    victorherege.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Belos versos, falando de uma sociedade desingula e o sonho de conquistas.

    ResponderExcluir
  9. São bem legal o texto Miséria Impune, achei ótima a idéia de compartilhar a escrita com outro parceiro, os textos tem uma qualidade muito boa, vocês devem levar este projeto a frente, tem muita qualidade.

    BLOGdoRUBINHO
    www.blogdorubinho.cjb.net
    www.twitter.com/blogdorubinho

    ResponderExcluir
  10. Gostei do poema, bem escrito e conciso!

    ResponderExcluir
  11. Ficou bem legal, parabéns!
    A parte da pétala da rosa foi que eu mais gostei! ;)

    ResponderExcluir
  12. falar bonito não é preciso para viver... ,mas ajuda bastante, viu?!

    ResponderExcluir
  13. Achei fraco o poema amigo!
    Seguindo seu Blog!

    ResponderExcluir
  14. Achei bacana o poema. Mostra a incerteza do personagem para algumas questões da vida.

    Abraço

    ResponderExcluir
  15. Querido amigo avassalador...
    Quanto a poesia, tem boa metrica. Detalhes de digitação não afetam a mensagem central... mas eu gostei mesmo foi da contradição elegante:
    "displicente, teimoso, questionador, dificulto coisas simples, gosto do errado e faço o errado muito bem feito!"
    Vejo muitos posts interessantes num futuro bem proximo diante dessa auto descrição!

    ResponderExcluir
  16. opaaa..kem sabe num rola uma entrrevista??

    \o/

    ResponderExcluir
  17. Putz mó legal o texto gostei pra caramba parabens

    ResponderExcluir
  18. Adorei o poema,é triste como a nossa realidade,
    realidade essa que ás vezes passa despercibida.

    Adorei seu blog,pretendo voltar mais vezes.

    Bjos e sucesso!

    ResponderExcluir